Paulinho da Força é reeleito presidente do Solidariedade

37208731176_dbfe61d044_c

Por: Luiza Torres

O deputado federal Paulinho da Força foi reeleito por aclamação como presidente do Solidariedade pelos próximos dois anos durante a Convenção Nacional nesta sexta-feira, 22. O evento, realizado no Sindicato dos Metalúrgicos em São Paulo e Mogi, reuniu autoridades políticas como o governador Geraldo Alckmin, o prefeito João Doria, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, além de deputados federais e estaduais do Solidariedade.

Durante discurso, Paulinho da Força destacou a defesa da legenda em prol do desenvolvimento econômico do País, da geração do emprego e renda e reformas que valorizem o trabalhador brasileiro. Ao lado da nova direção do partido, o deputado comprometeu-se com o crescimento do partido em todo Brasil.

“Temos grande participação na Câmara Federal, deputados estaduais, prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e uma militância crescente, com mais de 250 mil filiados. Queremos um partido com sustentação e força e trabalhamos com este objetivo”, disse Paulinho.

O deputado também destacou o trabalho do Solidariedade em defesa dos trabalhadores. “O partido tem posições firmes na defesa dos direitos e das lutas dos trabalhadores e dos aposentados. No Congresso fomos contra a reforma trabalhista, contra as terceirizações e também contra as propostas do governo para a Previdência. Todas as vezes em que o governo tentou mexer com os trabalhadores, foi o nosso partido, o Solidariedade, que não deixou isto acontecer”, completou.

Nas eleições de 2018, a meta do partido é eleger deputados federais, senadores e deputados estaduais em todos os estados brasileiros, fortalecendo a legenda.

Atualmente, o Solidariedade conta com 64 prefeitos, 142 vice-prefeitos, mais de 1.500 vereadores e 250 mil filiados. O Solidariedade teve seu registro aprovado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) em outubro de 2014, sendo um partido que prioriza a atuação dos movimentos sociais.

 Pronunciamento das autoridades – Durante discurso, o governador Geraldo Alckmin destacou o trabalho dos parlamentares do Solidariedade por um Brasil mais justo para todos. Ele destacou a participação do partido e de seus deputados em momentos históricos do País e na luta incansável em defesa do trabalhador.

“O Solidariedade sempre está envolvido nas questões mais importantes da política brasileira e que influenciam na vida dos trabalhadores. Admiro o empenho do partido e de sua liderança. É desta força que o Brasil precisa”, afirmou.

Já o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, ressaltou o apoio do Solidariedade aos projetos que visam a melhoria da economia do País, com geração de emprego e renda.

Na Convenção esteve presente, ainda, o prefeito de São Paulo, João Doria. Em seu pronunciamento ele frisou que “Paulinho é um agregador, de forte liderança e grande capacidade de negociação, e que o Solidariedade trabalha pelo Brasil e quer, como nós, a retomada do emprego e da renda. Isto é amar o Brasil!”.