Paulinho da Força (federal)


Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força, é deputado federal, presidente nacional do Solidariedade e presidente licenciado da Força Sindical. Nasceu na cidade de Porecatu, no Paraná, em 25 de janeiro de 1956. De família humilde, trabalhou desde muito cedo na lavoura, ao lado de seus irmãos. Ao completar 13 anos, mudou-se para Londrina para concluir o 1º grau. Lá, trabalhou no jornal Folha de Londrina, onde realizava serviços burocráticos.

Curioso, e com vontade de aprender, tornou-se, desde sua adolescência, um grande leitor de jornais, buscando entender sobre temas como economia, política e administração. Foi durante a ditadura militar que começou a se interessar por política.

Aos 20 anos veio para São Paulo e, como não conseguiu emprego em jornais por não ter concluído seus estudos, foi trabalhar numa metalúrgica. Formou-se no Senai no curso técnico de Inspetor de Qualidade.

Analisando a situação dos trabalhadores, que tinham seus direitos violados, migrou para o sindicalismo, onde se destacou. Mais tarde, no final dos anos 70, foi militante do PC do B (Partido Comunista do Brasil), ainda durante a ditadura militar, no Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo, onde entrou como militante e, logo, foi promovido a diretor.

Em 1991, após a redemocratização, Paulinho ocupou o cargo de secretário-geral do Sindicato. Como secretário-geral, era também o coordenador-geral das finanças, da estrutura e dos resultados a serem perseguidos pela instituição.

Depois, tornou-se presidente do Sindicato e, mais adiante, presidente da Força Sindical. Graças ao seu trabalho empreendedor, Paulinho transformou a Força Sindical na maior Central Sindical do setor privado do País. Paulinho desenvolveu programas sociais em parceria com empresas do setor privado e do Estado, inspirando-se em sindicatos europeus.

Sua carreira política começou em 2002 quando se candidatou a vice-presidente na chapa encabeçada por Ciro Gomes. Em 2004 foi candidato a prefeito de São Paulo. Dois anos depois, em 2006, foi eleito deputado federal pelo nosso Estado. Nessa eleição, Paulinho foi o sexto candidato mais votado de São Paulo. Em 2010, Paulinho foi reeleito para o cargo.

Em setembro de 2013, o TSE liberou oficialmente a criação do partido Solidariedade, legenda idealizada por Paulinho e diversos deputados para defender os interesses dos trabalhadores e dos movimentos sociais em todo o País.

Siga o Paulinho das mídias sociais:

Facebook | Twitter

Confira aqui a biografia completa.