Ato contra Intolerância Religiosa conta com líderes de várias religiões

Na última segunda-feira, 29/6, a deputada Clélia Gomes (PHS/SP) organizou, junto com o vereador da cidade de São Paulo, Laércio Benko (PHS/SP), um ato ecumênico contra a intolerância religiosa na Assembleia Legislativa de São Paulo. O evento contou com a presença de Kayllane Coelho Campos, de 11 anos, candomblecista, que levou uma pedrada de radicais no Rio de Janeiro, e sua avó Kátia Coelho Marinho Eduardo. A jovem foi recebida com uma chuva de pétalas de rosa, simbolizando a paz e o respeito entre as diversidades religiosas, num país laico.

Continue lendo